SEO OnPage Como Fazer

SEO On Page: Checklist Completo de Otimização de Sites

Marketing Digital com Wagner Rocha

A otimização SEO On Page é essencial para quem deseja aumentar a presença online, gerar mais tráfego orgânico e se destacar nos mecanismos de busca.

Talvez isso seja um dos maiores objetivos dos empresários e profissionais de marketing digital, afinal quem não deseja ficar ranqueado para as palavras chaves e ser encontrado pelos potenciais clientes?

Otimização dos Mecanismos de Busca

O problema é que existe profissionais do marketing e empresas que não sabem ou ainda têm muita dúvida de como executar o conjunto das técnicas de SEO existentes, como a SEO On Page e SEO Off Page.

Recomendo a leitura do artigo o que é SEO, para que você possa ter uma visão mais ampla e entender como o Google funciona.

São milhares de sites que não possui uma estrutura dentro dos padrões exigidos pelos principais motores de busca, por consequência estes deixam de ser posicionados nos resultados naturais (orgânicos) do Google.

Além de impactar diretamente nas conversões, ou seja, vendas não realizadas, oportunidade de captura de leads, ou até mesmo pedidos de orçamentos, isso vai depender das estratégias do seu negócio.

O que você vai aprender no final deste artigo?

Vou te mostrar neste checklist completo de SEO On Page quais são os principais fatores que você deve se atentar ao planejar um blog ou site com SEO.

Esses aspectos vão te ajudar a melhorar o tráfego do seu site nos mecanismos de busca e na construção de backlinks, os links externos que apontam para o seu site, conhecido também como SEO Off Page.

Mas calma, não precisa ficar desesperado.  No final desse artigo você vai aprender como realizar uma otimização SEO On Page no seu site e obter mais resultados orgânicos no Google.

SEO OnPage Como Fazer
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Qual é o propósito dessa técnica?

Uma de suas funções é, proporcionar experiência, educação e orientação de forma clara e objetiva para os usuários, visando sua experiência enquanto navegam pelo site.

O Que é Otimização SEO On Page?

O SEO On Page está relacionado toda a parte interna do seu site, por exemplo: páginas, imagens, links e etc, ou seja, tudo aquilo que você tem controle. No decorrer desta leitura vou explicar com mais detalhes cada um desses fatores.

E antes de iniciarmos eu recomendo que tenha instalado o plugin Yoast SEO, caso já tenha instalado, vamos para o checklist.

Abaixo os fatores de ranqueamento de SEO On Page a serem abordados.

  1. Title Tag e Meta Description
  2. Otimização do Conteúdo
  3. Texto Âncora
  4. Otimização de Imagens
  5. Sitemap.xml
  6. Robots.txt
  7. Velocidade do Site
  8. Otimização a URL
  9. Link Building

1- Otimização da Title Tag e Meta Description

#Title Tag

A title tag ou título da página é um dos fatores mais importantes para o posicionamento de um site nos motores de busca. Ela aparece na parte superior, na aba do navegador, conforme ilustra a imagem abaixo.

Seo On Page - Title Tag
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Certifique-se que a palavra chave relacionada ao conteúdo da página esteja inserida na title tag, isso ajuda as pessoas encontrar realmente o que estão pesquisando.

Uma outra observação é que quanto mais próxima da esquerda da frase a palavra-chave estiver, mais relevante o seu conteúdo será para as páginas de busca.

Tenha atenção para que o título não ultrapasse o número de caracteres exigidos, Os títulos de páginas mais eficientes têm de 10 a 70 caracteres, incluindo espaços.

Para que o conteúdo apareça nas primeiras páginas do Google é preciso ter títulos bem definidos com os termos mais buscados pela sua audiência.

Observação: Os títulos dos posts e páginas devem ser sempre únicos.

#Meta Description

A meta description (descrição) pode ser usada de forma estratégica, podemos inserir um breve resumo do tema abordado. É importante utilizar um CTA (Call to Action) convidando o usuário a acessar o seu conteúdo.

Por mais que ela não afeta diretamente no ranqueamento da página de um site, ela acaba influenciando na taxa de cliques, então é interessante que a descrição esteja bem otimizada.

Uma descrição bem otimizada possibilita um aumento significativo de visitas no site de forma orgânica.

Observação: Para melhor eficácia, as descrições meta devem ter de 70 a 160 caracteres e também devem ser sempre únicas.

Aqui tem um snippet-otimizador que lhe permite ver como estão seus títulos e descrição no Google™ e em outros resultados de pesquisa.

Seo On Page - Meta Description
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

2- Otimização de Conteúdo

É essencial a otimização para motores de busca o conteúdo publicado em seu site, isso contribui para o alcance de um bom posicionamento no Google.

#Definindo Subtítulos

Os subtítulos são criados em forma de códigos HTML e também são conhecidos como headings. Todo conteúdo otimizado com SEO deve conter subtítulos.

Os Headings são representados por códigos. Em um blog post, usamos o código <h1>,  para determinar o primeiro título do conteúdo.

Os demais subtítulos também são indicados por códigos formando a seguinte sequência, <h2>, <h3>, <h4>, <h5> e <h6>.

Fique atento em algumas dicas de SEO durante a produção do seu conteúdo.

  • Conteúdo único: Jamais copie os títulos e conteúdos de outros sites. Isso fará com que o seu site seja penalizado pelos motores de busca impedindo que seu site seja ranqueado.
  • Tamanho do conteúdo: Hoje não existe uma regra que define o tamanho ideal de um blog post, mas existem estudos de empresas especialistas como a MOZ mostram que sites com textos acima de 1000 palavras, ocuparem as primeiras posições em mecanismos de busca.
  • Estrutura do conteúdo: Utilize a escaneabilidade,  essa é uma técnica muito aplicada pelos escritores para web. Um conteúdo escaneável é a escrita do texto organizados em tópicos e subtópicos, os famosos H2 e H3 isso permite que ele seja melhor compreendido pelo leitor, proporcionando maior experiência para o usuário.
  • Palavra-chave e Densidade: A utilização de palavras-chave em um blog é fundamental para um bom posicionamento, mas fique atento para não exceder, não tente forçar a barra pensando que seu site ficará bem ranqueado porque não é assim que funciona. Ao invés disso tente usá-las de forma natural e de acordo com o tamanho do seu conteúdo. Certifique-se que a palavra-chave principal consta no primeiro parágrafo.

3- Texto Âncora ou Ligação Internas.

O que significa esse fator? O texto âncora ocorre quando uma  palavra-chave específica ou uma palavra genérica possui um link apontando para um outro conteúdo de relevância em seu blog ou site.

Exemplo genérico: Se você ainda não leu o artigo sobre o que é SEO, clique aqui para ler

O exemplo com com a palavra-chave foi utilizado logo no início do artigo.

Se um site não possui esses textos âncoras, pode ser que o mesmo esteja perdendo posições e tráfego nos mecanismos de busca. 

Quais as vantagens de se trabalhar com links internos?

Quando utilizamos os links internos, de certa forma estamos dando a oportunidade de outras páginas ganhar relevância. Esse ato permite o posicionamento dessas páginas com mais facilidade.

Retenção dos visitantes no site

Outro ponto bem interessante é que praticamente você consegue manter a atenção do visitante no seu conteúdo fazendo com que o mesmo continue navegando no seu site, aumentando o engajamento e minimizando a taxa de rejeição.

4- Otimização de Imagens

Os robôs do Google ainda não conseguem identificar o conteúdo das imagens.

Basicamente o que os algoritmos fazem é interpretar a linguagem HTML. Existem dois principais atributos no HTML que auxilia o Google nessa tarefa: o Title e o ALT.

Por isso é importante manter o código do seu site em ordem, e antes de inserir uma imagem no site devemos ter a atenção em 3 pontos:

1º Compressão do arquivo de imagem 

Nesse exemplo veja que a imagem ficou reduzida em -60% do seu tamanho original.

compressao-imagem
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

 

2º A palavra-chave no arquivo da imagem

Nesse exemplo perceba que a imagem está com a palavra-chave otimizacao-imagem. 

otimizacao-imagem
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

3º A palavra-chave na tag alt (texto alternativo)

Nesse último ponto a imagem abaixo ilustra o preenchimento da tag alt. é através dela que o Google faz a leitura da imagem, identificando a relevância do conteúdo, isso aumenta a probabilidade de conseguir um bom ranqueamento.

imagem-otimizada-tag-alt
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Essa é uma das vantagens de se utilizar o WordPress é bem simples de aplicar a palavra-chave na tag alt. Já realizei dezenas de auditorias em sites e presencio na maioria das vezes, a ausência desses elementos.

Agora você já sabe o que precisa ser feito 🙂

5- Sitemap.xml (Mapa do site)

Os sitemaps ajudam os robôs a encontrar seus conteúdos e indexar suas páginas e posts. Essas informações ficam armazenadas no banco de dados do Google para serem exibidas quando requisitadas nos mecanismos pelos usuários.

O arquivo sitemap.xml acelera a indexação das URLs do site, mantendo o Google sempre atualizado sobre novas páginas e posts de forma orientar os robôs na arquitetura do seu site.

Para isso, você precisa criar e enviar esse arquivo com todas as suas páginas e posts para o Google. Se você utiliza o plugin Yoast SEO esse recurso já é integrado, bastando apenas habilitar a funcionalidade.

yoast-seo-sitemap
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Google Search Console: Sitemap

Para enviar o sitemap para o Google, basta acessar o Google Search Console no menu Rastreamento>Sitemaps  adicione o arquivo sitemap_index.xml e clique em enviar conforme ilustra a imagem abaixo.

Google-Search-Console-Sitemap
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

 

Observação: O arquivo sitemap.xml não ajudar no ranqueamento de um site, sua função é manter um padrão de estrutura de links e manter o Google informado de novos conteúdos.

 

6- Robots.txt

O arquivo robots.txt evitam que as páginas, posts ou arquivos sejam encontrados nos mecanismos de busca, ou seja, é uma forma de dizer ao Google que determinadas informações não sejam indexadas, mesmo estando presentes no arquivo sitemaps.xml.

Ao manusear esse arquivo tenha muito cuidado, se você não entende de programação recomendo que não arrisque a edição do arquivo Robots.txt

Observação: Esse arquivo não interfere no ranqueamento de um site, como disse ele permite deixar suas informações com segurança e privacidade.

7- Velocidade do Site

Você já acessou um determinado site que levou minutos para ser carregado?

Quem nunca passou por isso, não é mesmo?

O Google não prioriza sites que apresentam lentidão, estes tendem não ser ranqueados nos resultados de pesquisa, sem contar que os usuários podem desistir de navegar no seu site.

Existem várias maneiras de avaliar o desempenho de carregamento de um site.

Leia esse trecho do Blog Central Webmasters:

velocidade-site-seo
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

 

Eu costumo usar 2 sites para testar a velocidade do meu blog e dos sites dos meus clientes.

O primeiro é o Gtmetrix e o segundo Pingdom.

Teste realizado com o Gtmetrix

analise-gtmetrix
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Teste realizado com o Pingdom

analise-pingdom
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Podemos considerar um site bem rápido no carregamento, quando ele estiver mais próximo possível de 1 segundo.

8- Otimizando a URL da página

Inserir a palavra-chave na URL pode ajudar o seu site a ser ranqueado, mas é necessário otimizar a URL e deixá-la amigável.

Existem sites que não permitem a criação de links personalizados, é preciso ser feito através de programação.

Na plataforma do WordPress não temos esse “contra tempo”. Já está tudo programado, o que precisamos fazer é algumas configurações e em questão de minutos os links já ficam amigável.

Perceba na imagem abaixo.

otimizacao-url
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

A URL é o endereço da página, aquele que aparece no topo do navegador que você usa. O Google possui um robô que efetua a leitura de palavras-chaves incluindo os termos do endereço da página.

É muito importante evitar URL’s com vários caracteres estranhos.

Veja os exemplos:

URL não amigável: https://dominio.com?p=323

URL amigável: http://dominio.com.br/seo-on-page , assim, o Google entenderá do que se trata o seu conteúdo. Sempre utilize essa segunda opção. 😉

9- Link Building

Link Building é o termo usado para descrever a linkagem interna ou externa no conteúdo de sites ou blogs. Quando falamos de otimização SEO On Page, usamos a linkagem interna e externa.

Certifique-se que os links externos sejam sempre apontado para os domínios com autoridade, isso faz com que o Google perceba que o seu conteúdo está relacionado a outros materiais de qualidade.

Em relação aos links internos, seu objetivo é fazer com que o usuário leve mais tempo de permanência da sessão em uma página. Quanto mais tempo o usuário permanecer no seu site, melhor. 🙂

Agora que você aprendeu como fazer um checklist completo de SEO On Page, o próximo passo é aplicar essas informações em seu site.

E se você está sério na decisão de ser encontrado por potenciais clientes, ter mais conversões, junte-se aos membros do Portal Marketing Boss lá você vai ficar por dentro das novidades de SEO e receber em primeira mão conteúdos de altíssima qualidade. Através de aulas práticasreuniões AO VIVOAulas para tirar dúvidas e grupo secreto.

 

Conclusão:

Nesse artigo, vimos alguns fatores importantes que devem ser implementando em seu site. Esses processos devem ser mensurados e ajustados sempre que necessário, assim o site permanecerá otimizado para os motores de busca.

Se você deseja gerar mais tráfego orgânico para seu site, é essencial utilizar as técnicas de SEO On Page, siga esse checklist e aplique, suas chances de ser encontrado no Google são maiores.

Vale ressaltar que é de suma importância manter um site otimizado, afinal se sua empresa não for vista será impossível gerar resultados e mantê-la ativa.

Gostou do artigo? 

Então não deixe de compartilhar o mesmo em suas redes sociais e não esqueça de comentar aqui abaixo.

Um forte abraço e até a próxima.

SEO On Page: Checklist Completo de Otimização de Sites
5 (100%) 7 votes
Wagner Rocha
Olá me chamo Wagner Rocha e vou te ajudar a levar o seu negócio para o próximo nível através do Marketing Digital. Saiba Mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − treze =

Share This

Compartilhe!

Compartilhe esse post com seus amigos!